Version EnglishENGLISH VERSION

A Implementação da Responsabilidade de Proteger: novos rumos para a paz e a segurança internacional?

16/04/2013

Imagem do palestrante

Eduarda P. Hamann (org.)

Coordenadora do Programa de Cooperação Internacional do Instituto Igarapé

Imagem do palestrante

Robert Muggah (org.)

Diretor de pesquisa do Instituto Igarapé, é especialista em segurança e desenvolvimento

A presente publicação faz um levantamento da atual discussão sobre a “Responsabilidade de Proteger” (R2P) e a “Responsabilidade ao Proteger” (RwP), o que foi possível graças ao apoio do governo da Noruega. Trata-se de um conjunto de 12 artigos escritos por autores com diferentes formações e experiências, como militares, pesquisadores e especialistas humanitários do Brasil e do exterior. Embora ela se concentre principalmente na perspectiva brasileira, também são abordadas outras questões que estão no cerne da paz e da segurança internacional, como a soberania estatal, a intervenção humanitária, a proteção de civis e as operações de manutenção da paz. De maneira geral, os conceitos de R2P e RwP estão intrinsecamente associados à reflexão do século XXI sobre a própria natureza do sistema internacional e sobre questões de governança global.



Centro Brasileiro de Relações Internacionais